Oi!
ComicsListas

As 10 Mortes Mais Importantes nos Quadrinhos

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Pin It Share 0 0 Flares ×
Hoje em dia morrer nos quadrinhos é algo comum, corriqueiro. Quem morre hoje volta na edição do mês que vem. Foi-se o tempo em que morrer nas HQs significava alguma coisa. 

Entretanto muitas mortes (definitivas ou não) foram realmente significantes em seus universos.

10 – Lori Grimes


 

Na série de tv ela realmente é uma insuportável, um dos personagens mais odiados da série. Entretanto nas hqs ela era uma excelente personagem e teve um final bem diferente do da série. Na fuga do presidio o pessoal do Rick foge do pessoal do Governador. Durante a fuga,  Rick, Carl e Lori (carregando bebê Judy) correm sob fogo pesado. Em uma imagem surpreendente de página inteira  (esquerda),  Lori toma um tiro de espingarda nas costas, matando-a instantaneamente, atravessando-a e matando também o bebê.
9 – Tio Ben
O Tio do Peter Parker é que profere a máxima “com grandes poderes, vem grandes responsabilidades”. Sua morte é parcialmente culpa do Homem Aranha, antes de ser tornar um herói ele deixou fugir o bandido que mais adiante mataria seu Tio.
8 – V

V morre, mas não morre. Aquela pessoa por trás da máscara morreu, mas não o ideal. Ao morrer Evie assume para si a marcara e assim não deixa o ideal morrer. A morte daquela pessoa por trás da mascará é o renascimento para que o ideal nunca morra.
7 – Elektra Natchos
Elektra era uma ninja assassina treinada pelo Tentáculo e também era namorada do Demolidor. Trabalhar para o Rei do Crime, principal inimigo do Demolidor foi o que causou sua morte. O Mercenário queria o lugar que pertencia a ela de principal assassino do “Rei”. Após uma luta entre os dois, temos a clássica cena do vilão atravessando ela com a sua própria adaga.


6 – Fênix

Na edição final de “A Saga da Fênix Negra”, os X-Men lutam contra a Guarda Imperial para impedir a execução de Fênix. Jean se matou com um canhão Kree laser para garantir que ela não poderia pôr em risco o universo.
5 – Robin (Jason Tood)

Esta é uma das mortes mais brutais dessa lista. Jason, o segundo Robin, é assassinado pelo Coringa levando uma surra de pé de cabra. Ele foi o primeiro Robin a morrer. Logo Batman o encontra morto e deformado. Seu uniforme fazia parte da sala de troféus do “Morcego”.

 

4 – Supergirl (Kara)

A família “super” sofreu muito no decorrer dos anos. Kara, prima do Super, morre nos seus braços enquanto ele chora desesperadamente. Essa com certeza uma das imagens mais icônicas da DC. Essa foi umas das mortes realmente morridas da editora. Kara só voltou anos depois, mas não ressuscitada, mas em um dos incontáveis reboots da DC. As vezes morto significa morto mesmo.

 

3 – Waynes


 

Essa sim um morte realmente para sempre. Sem esse evento específico, o universo DC nunca teria o seu Batman. A morte dos Waynes levou à criação do Batman, a sua cruzada, o seu ódio por armas de fogo, seu desejo de proteger os outros. Se essa morte não tivesse ocorrido o universo DC não seria como conhecemos. Não podemos esquecer que muitas vezes o Batman é o contra ponto do Superman. Como seria um sem o outro???

2 – A morte de metade da população do universo Marvel


Ninguém se compara em número de mortos quanto Thanos. Esta certo que todas as mortes foram desfeitas quando Thanos perdeu a posse da Manopla do Infinito, mas o que vale é que ele matou metade da população senciente do universo. E tudo isso por amor a sua amada Sra. Morte.
1 – Superman
 
A morte mais importante dessa lista, foi tão significativa, tão impactante que foi matéria no Jornal Nacional, narrada pelo Cid Moreira. Superman era um título que estava em baixa nas vendas no mercado americano. Para alavancar as vendas, sua morte foi pensada como a melhor saída. Apesar da história ser péssima, o seu legado até hoje emociona os fãs do “azulão”. A história rendeu matérias nas principais revistas e jornais americanos, uma excelente animação e um ótimo jogo para o snes.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Pin It Share 0 0 Flares ×